razão

Estou cansado de tantos porquês, tantas justificações para dizer o que sinto.

Palavras o vento leva, o tempo apaga. Mas o Sentimento quando é verdadeiro não passa, adormece dentro da gente.

Queria ser emoção na vida de quem não sou razão.

Por onde anda você?

Que não ouço dizer!

Que rumo tomou?

O tempo levou, mas o pensamento ficou.

Sinto saudade de uma noite chuvosa de terça feira de carnaval. Do abraço que me aqueceu do frio da madrugada e do beijo que interrompeu meu choro. Seus músculos ainda eram franzinos e seus gestos suaves. Sua pele não tinha a textura da idade. Mas seu carinho parecia sincero e as palavras verdadeiras quando pegou minha mão e para casa me levou.

Me perco dentro do seu abraço, mãos que se cruzam, corpos que se colam, meus olhos nos teus olhos, braços enroscados, pernas entrelaçadas. Me sento no seu colo e deixo você entrar dentro de mim. Me agarro em você para não cair dos seus balanços, as vezes fortes as vezes suaves até suas forças acabarem e os nossos corações acelerarem.

Depois de tudo, deitamos um do lado do outro esperamos as nossas respirações se acalmarem e as minhas pernas pararem de tremer. Você me levou ao êxtase, sem precisar justificar apenas me fez sentir. Porque o amor não é para se explicar, o amor é para ser sentido, vivenciado.
Loucura é buscar explicação na emoção que o coração não sabe entender e tentou esconder.

Hoje eu me perco no meio das lembranças que o tempo deixou e a saudade não levou. Eu não quis explicar, mas você se justificou demais e não aguentou a pressão de tantos porques sem necessidade, acabou se perdendo entre tantas explicações a quem não merecia.

E a vida é assim, explicamos demais e sentimos de menos. Falamos de tudo e o que tem importância não falamos. Mostramos tudo a todos e escondemos o essencial.

Tudo isso porque explicamos demais entedemos de menos e o amor não quer razão ele só quer emoção…

Tatá Arrasa

Aningas, 16/04/16

Deixe um Comentário

comentários

2 Responses to “razão

  • Simplesmente amei, a forma, jeito, expressão de cada palavra e a sitônia que ela causa!
    Continue assim!! Bjs.

    • Tatá Arrasa
      1 mês ago

      Obrigado por sua visita, fico muito feliz. Não deixe de visitar o site de composições inéditas tataarrasa.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *